O dia se espatifa: Fevereiro 2015

sábado, 21 de fevereiro de 2015

Da autoimagem e do desserviço de alguns profissionais

Então eu deparo com a fan page de uma médica endocrinologista especializada em dietas de controle da obesidade. E o conteúdo todo da página é, evidentemente, sobre os malefícios da obesidade e os benefícios de uma dieta saudável. Nada a discutir aqui, não sou médica, mas apenas uma pessoa acima do peso (com o peso estável, diga-se) há mais de 15 anos que mantém obtendo resultados de exames saudáveis anualmente e se sente mal apenas quando fica muito tempo sem se mexer.

Dito isto, o que mais me irritou na página: as fotos "saudáveis" são TODAS de modelos lindíssimas (e macérrimas, e sou capaz de apostar várias provavelmente portadoras de distúrbios alimentares como anorexia e bulimia). Por que ignorar todo o oceano que existe entre a obesidade e os hábitos alimentares prejudiciais (quantas pessoas magras você conhece que sofrem com glicose e colesterol alto?) e não postar fotos de pessoas NORMAIS, com pesos NORMAIS, como exemplo de vida saudável?

Que feio profissionais de saúde contribuírem para essa maldita construção da imagem impossível que tanto prejudica a formação da autoconfiança das nossas crianças em relação a seus próprios corpos...